Por que a Psicologia Corporal?

A Psicologia Corporal é uma alternativa às terapias tradicionais. Além do trabalho verbal, que é essencial no processo psicoterapêutico, somam-se os trabalhos corporais, que buscam fisicamente dissolver defesas enraizadas no corpo, possibilitando a liberação de impulsos e emoções reprimidas, além da elaboração de conteúdos psíquicos associados. A Psicologia Corporal foi fundada por Wilhelm Reich e por isso é conhecida também por Terapia Reichiana.
Na visão reichiana, corpo e mente formam um sistema integrado.

A quem se dirige o tratamento?

O tratamento se dirige a todas as pessoas que precisam de ajuda para resolver uma questão de ordem psicológica ou corporal.

Talvez seja o momento de procurar ajuda

Entendemos que às vezes é difícil, seja por vergonha, problemas financeiros, estigmas por ser ajudado, medo de mudar, e até mesmo por se acostumar a viver infeliz ou em desacordo com o que você acredita que te faz feliz. Sugerimos que você se dê uma chance, daremos todo o suporte necessário para as suas dificuldades.

Como iniciar um processo psicoterapêutico?

O primeiro passo é simples, basta marcar um entrevista inicial, onde o paciente terá a oportunidade de falar a respeito do seu problema e poderá tirar suas dúvidas pessoalmente.

Quando irei me sentir melhor?

Cada paciente possui o seu tempo e os resultados não dependem somente do terapeuta, mas também de como cada pessoa irá se implicar no tratamento.

Além do trabalho verbal usamos as seguintes técnicas:

Movimientos oculares Foto-estimulação

A visão é o sentido mais importante na estruturação do psiquismo humano, estando cada região do campo visual associada a determinados conteúdos psíquicos. Reich criou várias técnicas de focalização e movimentação ocular que são utilizados até hoje. Recentemente, Barbara Koopman criou a técnica de foto-estimulação ocular com a luz em movimento que, ativando os movimentos conjugados dos dois olhos, estimula conexão funcional entre os dois hemisférios cerebrais, favorecendo o acesso a conteúdos do inconsciente e o reprocessamento de memórias emocionas significativas. A partir de pesquisas recentes conduzidas por alguns membros do Núcleo de Psicoterapia Reichiana, utiliza-se além da luz branca, luzes de cor azul, verde e vermelha, que estimulam, de forma específica, determinada células da retina, gerando impulsos nervosos que são conduzidos a diferentes regiões do cérebro. Assim, cada cor atua mais especificamente sobre determinados conteúdos psíquico-emocionais, o que aumenta ainda mais a eficácia desta técnica.

Fonte: Site do Núcleo de Psicoterapia Reichiana: http://nucleopsic.org.br/

Actings

Também chamados de movimentos desbloqueantes ou de movimentos ontogeneticamente significativos. São ações corporais voluntárias repetidas, que reproduzem e ativam funções importantes nos processos de percepção expressão afetiva, e também, no processo de desenvolvimento ontogenético, ativando marcas de memórias de diferentes fases da vida. Existem algumas dezenas de actings utilizados para o desencouraçamento das várias regiões do corpo.

Fonte: Site do Núcleo de Psicoterapia Reichiana: http://nucleopsic.org.br/

Técnicas de manipulação

A massagem Reichiana utiliza tipos específicos de toque aplicados sobre a musculatura e sobre pontos energéticos da superfície do corpo. O trabalho sobre a musculatura visa à recuperação de sua tonicidade e a dissolução de tensões crônicas. O Trabalho sobre os pontos energéticos, que funcionam como centro de distribuição de energia e interação reflexológica, favorece a regularização dos fluxos bioenergéticos. Cada músculo e cada ponto estão ligados a determinadas emoções e conteúdos psíquicos reprimidos.

Fonte: Site do Núcleo de Psicoterapia Reichiana: http://nucleopsic.org.br/

Outras Técnicas

Trabalhos de expressão sonora; movimentos expressivos dos membros; visualizações; expressões faciais; técnicas posturais e de equilíbrio; alongamento; e também técnicas vivenciais envolvendo a dinâmica dos relacionamentos humanos mais importantes ou da relação paciente-terapeuta, associados ao manejo da transferência.

Fonte: Site do Núcleo de Psicoterapia Reichiana: http://nucleopsic.org.br/

Respiração

A contenção das emoções sempre envolve a contenção dos movimentos respiratórios. Existem vários tipos de perturbações respiratórias, podendo haver contenção da inspiração ou da expiração, e estas podem ocorrer a nível torácico ou diafragmático. Em cada caso utilizam-se técnicas próprias de desbloqueio.

Fonte: Site do Núcleo de Psicoterapia Reichiana: http://nucleopsic.org.br/

Sobre

Psicóloga formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro , Psicoterapeuta Corporal Reichiana formada pelo Núcleo de Psicoterapia Reichiana, Pós graduanda em Terapia Familiar Sistêmica pelo CEFATEF. Atua na área clínica com atendimentos individuais de adolescentes, jovens e adultos. Através da abordagem corporal reichiana, a psicoterapeuta Isabela Vogas Nunes Cardoso (Crp 06/134632) oferece um tratamento único a cada paciente. O trabalho conta com o sigilo profissional durante todo o seu processo, primando pela ética na relação terapeuta-paciente.

“A dor é inevitável. O sofrimento é opcional…” Mary Cholmondeley

LOCATION

CONSULTÓRIOS

Alto da Lapa
Rua Duarte da Costa, 826 - Alto da Lapa - São Paulo - SP

Vila Mariana
Rua Botucatu, 146.
São Paulo - SP

Tel: (11) 99629-0127
E-mail: psicologacorporal@yahoo.com

CONTATO